Vencedores não dão desculpas

Vencedores não dão desculpas

Essa é brilhante: “O TRABALHO PESADO supera o TALENTO quando o TALENTO não TRABALHA PESADO”. Então, seja qual for a tua atividade, faça com mais afinco do que você pensou que fez ontem, e assim, vai superar até mesmo o nível daqueles que tem “talento nato” para a coisa.

Tem pessoas que o dia parece ter 8 horas apenas. Vivem dizendo que não têm tempo. Vivem se dizendo “ocupadíssimas”, vivem “correndo” de um lado para outro; e o que parece mesmo é que não fazem nada de realmente importante. Essas pessoas são aquelas que criticam duramente as outras que “acham tempo” para colaborar, para participar, para ajudar os pares. Dizem que essas pessoas que “acham tempo” querem mesmo é “aparecer”.

Os “ocupados” e “sem tempo” são aqueles que não encontram tempo para participar de treinamentos, cursos, ler um livro, ficar com a família… Qualquer coisa que se diga, “não tenho tempo!” está na ponta da língua. Às vezes não é falado, mas é pensado…

Recentemente, li que o Papa Paulo VI só dava novos encargos para os bispos e cardeais que já tinham muitas atividades. Ele dizia que somente quem faz muita coisa arranja tempo para fazer ainda mais. Aqueles que nada fazem, nada fazem justamente porque nada querem fazer. Só sabem criticar. E isso realmente faz sentido, pois quem tem tempo, é por que sabe priorizar o que é importante, se antecipa às urgências, e sempre tem tempo para mais alguma coisa, pois delega o que é possível. E quem, independente do número de atividades, nunca tem tempo, é por que prefere encontrar desculpas para a ineficiência, do que se organizar e sair do sufoco.

O dia tem 24 horas para todos: para mim, para você, para o Jorge Paulo Lemann, para o Bill Gates… o que será que eles fizeram de diferente, que, com as mesmas 24 horas, construíram verdadeiros impérios?

Eu pesquisei e encontrei 10 segredos do Jorge, para uma rápida referência, já que são assuntos que já abordei aqui

1) APRENDA COM OS ERROS

Jorge Paulo Lemann começou a jogar ténis com 7 anos e isso foi muito importante na sua carreira, pois com 9 anos, jogando no Country Clube do Rio de Janeiro, ele perdeu contra o seu maior rival. Aos 12 anos, ele voltou a sofrer outra derrota, desta vez contra um Boliviano o que deixou com o seu orgulho ainda mais abalado.

Segundo ele, essas adversidades lhe deram a preparação necessária para aceitar as derrotas e acima de tudo, analisar o que poderia ter sido feito diferente e como poderia melhorar nos próximos jogos.

Ele adquiriu uma noção apurada de que sem esforço, não se tem resultados. Jorge se habituou à ideia de que a vitória nem sempre é garantida e que a derrota não é pretexto para desistir, mas para tentar fazer melhor da próxima vez.

2) INVISTA NOS GOLEIROS

De que adianta ter um time de atacantes, se faltam bons zagueiros e um goleiro excepcional? Com 26 anos, Jorge faliu pela primeira vez, porque construiu um negócio onde todos os sócios eram bons vendedores, mas péssimos administradores. Associe-se com pessoas que sejam complementares à você. Se você é extrovertido e descontrolado, precisa de alguém que analise melhor os papéis e os números, e não permita que você faça bobagens. Se você for excessivamente analítico, precisa de alguém que empurre para arriscar mais.

3) TOME RISCOS DE MODO CRESCENTE

Tudo na vida tem risco. Talvez por isso, quanto mais as pessoas estudam, menos risco querem tomar. Elas tentam ao máximo estudar e transformar o risco em formulas matemáticas, que no fim… leva ao mesmo lugar de partida: nenhum.

Jorge Paulo Lemann estava habituado a administrar um banco com cerca de 200 funcionários quando comprou as Lojas Americanas. Nesse momento ele correu um grande risco, pois não tinha grandes conhecimentos sobre o varejo, e a empresa tinha 16 mil funcionários, um salto grande e diferente.

Isso foi fundamental para que ele se posicionasse, para em 1989 comprar a Brahma, depois Antarctica, depois a Interbrew, dai a Budweiser.. e não parou. Hoje são mais de 155 mil funcionários no mundo.

4) FOCO É ESSENCIAL

Após comprar as Lojas Americanas e a Brahma, Jorge Paulo Lemann sentiu um excesso de confiança e decidiu criar um fundo de investimentos, o GP Investimentos, que chegou a ter cerca de 30 empresas em carteira. Pelo tópico, você imagina o que aconteceu: não funcionou, devido à dispersão de energia e falta de foco.

Com isso, ficou claro para ele que seria muito mais produtivo fazer uma coisa muito bem feita de cada vez, e tomou como exemplo disso, Sam Walton, fundador do Walmart, que era fanático por suas lojas, e o Warren Buffett, de quem é atualmente sócio, e que é super focado nos poucos investimento que faz através da sua administradora de fundos.

5) TENHA UM SONHO GRANDE

Jorge Paulo Lemann aprendeu em Harvard o que todos os americanos tem na veia: “ter um sonho pequeno ou um sonho grande dá o mesmo trabalho”, e desde então, ele passou a ter apenas sonhos GRANDES.

Ter um sonho grande serviu fundamentalmente de motor para atrair e manter trabalhando com ele, gente extraordinária. Esse foi um dos fatores cruciais para que conseguisse alcançar o tremendo sucesso que tem hoje, pois gente boa não se conquista apenas com dinheiro, mas com uma clara visão de crescimento e um desejo de perseguir um propósito maior.

E quem tem um sonho grande para trilhar, não perde tempo pensando no passado.

6) PROCURE GENTE BOA

Quando fundou o Banco Garantia em 1971, Jorge não era extremamente conhecido, e para se tornar competitivo no mercado financeiro, decidiu investir uma boa parte do seu tempo recrutando as melhores pessoas possíveis para trabalhar junto com ele.

Entre algumas dessas pessoas, encontram-se Marcel Telles e Beto Sicupira que hoje são sócios inserparáveis de Jorge Paulo Lemann, bilionários como ele.

Se quer ir rápido, vá sozinho. Se quer ir longe, vá acompanhado das melhores cabeças. Se não tem as melhores cabeças, selecione, elas estão esperando anciosas para trabalhar com um maluco de sonhos grandes.

7) SEJA EFICIENTE

Despesa é que nem unha, tem que cortar o tempo todo, senão cresce. Controle, controle, controle, controle. Se você não gosta de controle, contrate alguém que goste.

8) O PODER DAS IDEIAS

Para alcançar grandes metas, são necessárias grandes ideias. Grandes ideias às vezes levam tempo para serem formatadas, e precisam ser construídas, como uma casa: tijolo por tijolo, com várias mãos. Design thinking é um modelo organizado para construir grandes idéias com várias cabeças pensando juntas.

Aqui, alguns princípios que o Jorge usa até hoje:

– Ter gente boa trabalhando como um time e com objetivos comuns.
– Encontrar, treinar e manter apenas gente boa em suas empresas.
– Remunerar pessoas de forma estimulante e justa.
– Avaliar frequentemente as pessoas que fazem parte de suas empresas.
– A principal função dos chefes deve ser escolher pessoas melhores do que eles para dar continuidade ao crescimento das empresas.
– Liderança deve ser exercida mediante ideias claras e pelo exemplo diário nos mínimos detalhes.
– Debater é importante, mas tudo tem de ter um responsável e no final alguém tem de tomar uma decisão.
– O bom senso vale tanto e até mais do que ideias complexas. O simples é sempre melhor que o complexo.
– A boa instituição está sempre querendo melhorar, seja qual for o grau de sucesso, existe a possibilidade de melhoria. Isto garante uma vantagem competitiva duradoura.
– Reduzir sempre os custos. É uma variável sobre o seu controle e que garante a sobrevivência.
– As inovações que criam valor são úteis, mas copiar o que funciona é bem mais prático.
– A melhoria e educação continua dos associados têm de ser um esforço permanente e incorporado as rotinas.
– Só aparecer nas notícias com objetivos concretos.
– Foco, foco, foco, foco no essencial.
– Comunicação e dados essenciais circulando com transparência ajudam a educar, empurrar na mesma direção e a criar uma vantagem competitiva.
– Valorize a retaguarda (os goleiros).
– Ética total é essencial.
– Demora-se muito para construir a reputação que pode desaparecer rapidamente.
– Para chegar ao pote de ouro no fim do arco-íris você tem de percorrer todo o arco-íris, mas faça isso com lucro pelo caminho.
– Um sonho grande, desafiador, comum e essencial, ajuda todos a trabalharem na mesma direção.

9) VISÃO DE LONGO PRAZO

Uma visão grande, de longo prazo, pode ser motivadora e desmotivadora ao mesmo tempo. Motivadora quando você visualiza o cenário pintado, como um quadro, pronto, lindo, iluminado e perfeito. Desmotivadora quando vê que isso pode demorar, e os resultados demoram para aparecer.

Calma, tem solução. Divida a visão de longo prazo, em metas curtas, anuais, semestrais, mensais, semanais… como degraus de uma escada para chegar na visão de longo prazo. Venda o longo prazo, pratique e acompanhe os resultados do curto prazo, e quando ver, aquela visão se tornou realidade.

10) DÊ O TEU MELHOR

Em Harvard, todos os alunos dão o seu melhor. Mesmo não estando em Harvard, você DEVE DAR O SEU MELHOR TAMBÉM. Caiu 7 vezes? Levanta 7 vezes!

O TRABALHO COM FOCO supera o TALENTO quando o TALENTO não TRABALHA COM FOCO. VENCEDORES NÃO DÃO DESCULPAS. #saiDaMedia

Quer transformar tua vida?
Receba as próximas atualizações direto teu e-mail, e participe gratuitamente de sorteios semanais de livros. ?? LIVRE DE SPAM.

Comentarios

Texto publicado no Facebook @RiquezaSemLimites

About The Author

Empreendedor em série, graduado em Administração de Empresas, cursou Técnico em Processamento de Dados na UFRGS e Engenharia Elétrica na PUCRS. Atua no mercado de Datacenter/Cloud desde 1998. Fundou a WeBrasil, HostNet e Cyberweb, atualmente controladora da KingHost - provedor de hospedagem de sites com 60 mil clientes. Em 2012, criou a Giga Internet, provedor de internet wireless que atende 15 cidades no Rio Grande do Sul. Em 2016, começou o projeto Riqueza Sem Limites, com visão de exportar inspiração e conhecimento de alto nível para além das fronteiras Brasileiras. Atualmente dedica 50% do tempo para estudar assuntos ligados à neurociência, psicologia comportamental e biohacking.

Leia o post anterior:
Nada dura para sempre, nem mesmo a dor

...nem mesmo a chuva fria de novembro, como escreveu Axl Rose em November Rain. A dor é temporária, pode durar...

Fechar
rsl2016mmi