Todos os teus sonhos estão esperando do outro lado dos teus medos

O medo é uma coisa insana. Tem efeito paralisante e a o mesmo tempo, depois que passa, parecia algo tão ridículo.

Duas coisas sobre os medos:

1) O medo é algo que não existem ainda.
2) O medo é baseado em uma hipótese não comprovada.

O medo é uma coisa que em condições normais de sanidade, nos impede de colocar em risco a nossa vida, ou o nosso padrão de vida. Ao mesmo tempo que impede que atravessemos uma avenida movimentada, também impede que sejamos mais felizes. E isso é insano.

Isso é neurociência: somos movidos pelas nossas emoções. O lado esquerdo do nosso cérebro, o lado racional, faz os cálculos, as probabilidades, e o lado direito, o lado emocional, age. Ou fica paralisado pelo excesso de racionalização do lado esquerdo. Aí você entende por que pessoas que pensam d+, agem menos. E pessoas que racionalizam muito pouco, às vezes tomam más decisões. Então o medo é bom ou mau?

Depende. Ele te impede ser mais feliz?

Baseado nos últimos livros que li (Dar e Receber foi um deles), entendo que o medo só é saudável quando impede que façamos algo que vai contra a nossa integridade física ou emocional (os nossos valores). Fora isso é pura bobagem mental, evitar algo que ainda nem aconteceu e “poderia” ser ruim.

85% das pessoas vivem aprisionadas em uma zona de conforto. Elas foram instruídas desde pequenas, ou pelo círculo de amigos, que existe um certo platô de conforto que deve ser alcançado, e a partir daí, a vida boa começa. Ok, eu proponho algo diferente, que é seguido pelos 15% restantes da população: crescer e contribuir, sempre.

Como você deve perceber, o mundo está em constante crescimento, e desde que nos ligamos pela internet e redes sociais, o crescimento está cada vez mais acelerado. O desenvolvimento e lançamento de novas tecnologias cresce de modo exponencial, e quem resolve ficar estacionado, invariavelmente, fica para trás. Ou como se diz na linguagem do desenvolvimento pessoal: se você não está crescendo, está morrendo. E para que crescer? Para que se desafiar constantemente, e diariamente estar à frente da zona de conforto? Com um simples propósito: crescer para contribuir e compartilhar conhecimento para que mais e mais pessoas possam crescer juntas, e assim, fazer um mundo melhor.

E a tal felicidade? E os sonhos? Os sonhos são nossos objetivos de curto, médio ou longo prazo, e os medos são os obstáculos que nos impedem de alcançá-los, e se você não consegue chegar lá, um Coach pode te ajudar. A felicidade? A Felicidade é aproveitar cada momento do caminho, cada brisa, cada vista, cada nascer de sol, cada por do sol, e ser feliz com o que tem hoje, sendo grato por ter essa condição inigualável, porque a verdadeira riqueza é estar em paz consigo mesmo.

#saiDaMedia #saiDaZonaDeConcorto #nʌmʌste

 

Quer transformar tua vida?
Receba as próximas atualizações direto teu e-mail, e participe gratuitamente de sorteios semanais de livros. ?? LIVRE DE SPAM.

Comentarios

About The Author

Empreendedor em série, graduado em Administração de Empresas, cursou Técnico em Processamento de Dados na UFRGS e Engenharia Elétrica na PUCRS. Atua no mercado de Datacenter/Cloud desde 1998. Fundou a WeBrasil, HostNet e Cyberweb, atualmente controladora da KingHost - provedor de hospedagem de sites com 60 mil clientes. Em 2012, criou a Giga Internet, provedor de internet wireless que atende 15 cidades no Rio Grande do Sul. Em 2016, começou o projeto Riqueza Sem Limites, com visão de exportar inspiração e conhecimento de alto nível para além das fronteiras Brasileiras. Atualmente dedica 50% do tempo para estudar assuntos ligados à neurociência, psicologia comportamental e biohacking.

Leia o post anterior:
Você não teria a capacidade de sonhar, se não tivesse também, a possibilidade de converter sonhos em realidade

Sonhar pequeno, pensar apenas nas dificuldades, desistir antes de tentar tem nome: autosabotagem, e muitas vezes nem percebemos que isso...

Fechar
rsl2016mmi