Para os invejosos, tenho más notícias: tudo está indo muito bem, para mim!

“Você não vale pelo que tem, nem pelo que aparenta. Você vale pelo que é, pela forma como pensa e como se flexibiliza diante dos obstáculos da vida” ~ Juliano (Essa é minha mesmo)

Já recebi no inbox da página, por diversas vezes, perguntas “quero ser rico, como faço”, ou “como faço para ter sucesso”… eu também busquei essas respostas por muito tempo e o que eu encontrei é que:

1) a resposta é composta de várias coisas
2) não existe um caminho apenas

Mas no final das contas, aprendi duas palavras mágicas:

1) PERSISTÊNCIA
2) PACIÊNCIA

Persistência para acreditar mesmo não acreditando, reler livros e assuntos mesmo já “achando que eu sabia”, praticar diariamente um ritual que eu montei e acredito que funcionaria (antes de ter qualquer resultado).

Paciência para para levantar todos os dias, ligar o turbo e procurar crescer 1% , mas consistente e diariamente, investindo em inteligência emocional e melhorando pensamentos com livros e sentimentos com filmes e vendo fichas caírem em crenças negativas que eu pensava que já tinha resolvido.

Bom, o fato é que esse negócio de pensar positivo funciona.

Esse negócio de ficar imaginando e visualizando os sonhos por alguns minutos por dia, funciona.

Esse negócio de atrair as situações ideais que eu preciso para atingir alguns resultados, funciona.

Esse negócio de focar nas páginas policiais e ver a vida se transformar numa merda igual, funciona.

Mas sabe o que mais funciona? Tomar a decisão de verdadeiramente, ser quem você quer ser. Essa foi a minha primeira e mais importante decisão: decidir o que eu não queria mais e o que eu faria de diferente para ter resultados diferentes (já disse o Einstein, aliás, essa frase nem precisaria ser dele, pois é óbvia!).

Confesso que a parte de criar novos hábitos é um exercício de persistência, pois o corpo acostumado com hábitos velhos e ruins acaba pedindo pelo “antigo” hábito, que, vamos ser racionais agora: se hoje você tem coisas com as quais não está satisfeito na tua vida, precisa mudar alguma coisa, certo? E esse negócio de “ano que vem eu mudo” é balela. Porque de modo geral, as pessoas tem a mania de montar um “pacote de ano novo”, com várias mudanças. E sabe o que acontece? Em março está tudo igual.

O Paulo Vieira fala que mudanças acontecem rápido, eu concordo com ele, mas mudanças devem ocorrer de forma devagar. Uma por vez. Uma por semana ou mês… aos poucos. Pequenas mudanças de cada vez para a nossa própria mente não entrar em modo de proteção e nos sabotar (aquela vozinha interior, que diz “pra que fazer isso????” – e a gente ainda fica discutindo kkkkk)

Nos últimos tempos, aprendi que tanto com o nosso próprio mindset, como na gestão de uma empresa, pequenas mudanças, em doses homeopáticas, são bem aceitas e fáceis de gerenciar. Aquela coisa, como: hoje eu começo a acordar 15 minutos mais cedo, quando estiver me sentindo muito bem, implemento outra mudança, e assim por diante, e ao final de alguns meses, você mudou de vida.

Imagine que você resolve a partir de amanhã, começar 1 novo negócio por dia, durante 7 dias, sem um tempo viável para ajustar todos eles. O que acontece em 30 dias? Um caos. Agora, se você começar um negócio por vez, ajustar, deixar redondo e funcionando, e então partir para o próximo, fica fácil ao final de 1 ano, ter 7 negócios rodando perfeitamente e ajustados, certo? Sabe por quê? Porque você teve FOCO.

Esse é mais um motivo de ser mais fácil cumprir uma mudança por vez: FOCO EM UM RESULTADO. A vozinha interior fica quieta, pois “é só uma mudança, fica tranquila”… é só UMA META GRANDE POR DIA… depois estou livre!

O poder do FOCO é imenso, e por isso que o que você foca, aumenta. Alguns autores, incluindo o Leo Babauta (do Zen Habits) falam que para você ser mais produtivo, determine apenas TRÊS metas grandes (que dure 1 semana ou 1 mês) e trabalhe nelas até finalizá-las. Isso por que na realidade, você estará trabalhando em uma por vez, mas quando precisar esperar pela dependência de alguém, para não ficar parado, trabalha na próxima meta. O importante, porém, é não iniciar nada novo antes de finalizar as três metas. Você quer ser conhecido por uma pessoa que ENTREGA o que COMEÇA, certo?

O T. Harv Eker fala que para ele, um dos segredos dele é terminar o que começou. Eu não vou discutir se ele tem razão ou não, afinal quem sou eu para ir contra um multi-milionário, mas eu gostaria de fazer uma pequena contribuição: quando você deixa uma coisa incompleta, um RABO solto, o cérebro não desvincula daquela coisa incompleta… e isso fica gastando energia, incomodando, eventualmente dando a idéia de que você é um fracassado mesmo, por que nem termina o que começa.

Então qualquer que seja a decisão que tomar hoje, termine o que começar.

#saiDaMedia

BOM SÁBADO!

Quer transformar tua vida?
Receba as próximas atualizações direto teu e-mail, e participe gratuitamente de sorteios semanais de livros. ?? LIVRE DE SPAM.

Comentarios

Leia o post anterior:
Ser mais um na multidão não é meu objetivo. Eu nasci para fazer a diferença.

A partir de hoje, sempre que você fraquejar, lembre-se de duas coisas: 1) É PROIBIDO DESISTIR 2) PERSISTÊNCIA FOI A...

Fechar
rsl2016mmi