Hipnose para sonhos lúcidos extraordinários

Eu gostaria antes de mais nada, de pedir sinceramente, desculpa. Por ter ficado quase 6 meses sem postar longos textos com referências aqui no Riqueza Sem Limites. E isso tem um bom motivo. Precisei dedicar mais tempo para a minha especialização em coach e meu próprio desenvolvimento pessoal com o objetivo de trazer conteúdo da mais alta relevância em doses menores, e com mais propriedade.

E não foi só o tempo da produção dos textos que eu cortei para ganhar mais tempo em outras atividades. Eu também reduzi o meu horário de sono, sem perda de qualidade. Ainda faço alguns testes para ajustar o que eu entendo ser melhor para a minha saúde (e uso uma bateria extensa de exames para confirmar).

Então, como eu faço hoje? Atualmente eu fixei meu horário de acordar para às 5:30. Eu durmo quando dá sono – preferencialmente entre 22:30 e 23:59, mas geralmente acaba acontecendo pelas 23h. Como o meu ciclo circadiano está regulado para estes horários, eu acabo deitando e dormindo. Entendo que muita gente tem dificuldade em fazer deitar e apagar. Eu escrevi um texto aqui no ano passado sobre Biohacking, onde coloco algumas dicas para dormir melhor, vou resumir elas aqui:

  • Café só até às 16h: o café é um estimulante natural e age no nosso corpo por até 8 horas.
  • Evitar luzes brancas após as 18h: a luz branca inibe a produção de melatonina, hormônio que induz o sono.
  • Evitar atividades de ação intensa após as 19h.
  • Usar o recurso de night shift do iPhone quando escurecer (ou o f.Lux para Android): a luz azul, emitida pelos aparelhos eletrônicos, também inibe a produção de melatonina, hormônio que induz o sono.
  • Usar o app f.Lux no Mac para reduzir a luminosidade da tela quando escurecer: a luz azul, emitida pelos aparelhos eletrônicos, também inibe a produção de melatonina, hormônio que induz o sono.
  • Evitar açúcar após às 19h: o açúcar, além de gerar picos de produção e liberação de insulina, possui grande capacidade energética. Você certamente não deseja energia na hora de reduzir o ritmo.
  • Tomar uma medida de cloreto de magnésio meia hora antes de dormir: o magnésio é um relaxante muscular natural, reduz a sensação de cansaço ao despertar, reduz os níveis de Cortisol (Hormônio do Stress), melhora a eficiência do sono, diminui o tempo para início do sono e para acordar, ajuda na manutenção do sono durante a noite.
  • Fazer a última refeição, bem leve, sem líquidos: se for beber algo, que seja até uma hora antes da refeição, ou bem depois. O principal motivo é que os líquidos acabam alterando o pH do estômago, o que pode dificultar a digestão de proteínas animais, principalmente. Uma refeição com foco em saladas e carne branca seria o ideal. Evitar carboidrados (PÃO) na janta, tem um efeito parecido com o do evitar o açúcar. Carboidratos se transformarão em energia em um tempo um pouco superior ao da glicose do açúcar, e vão se transformar em gordura, pois você dificilmente irá usar essa energia nas últimas horas do dia. Na dúvida consulte um nutricionista. Um grupo de pesquisa da Universidade de Stanford recomenda que consuma de 150 a 250 calorias de alimentos de baixo índice glicêmico (batata doce e mandioca/aipim por exemplo) em pequenas quantidades (baixa carga glicêmica). O PhD Seth Roberts recomenda tomar 1 a 2 colheres de óleo de linhaça (120 a 240 calorias) pode ser usado em combinação com a refeição para aumentar ainda mais o reparo celular durante o sono e, portanto, diminuir a fadiga. O gosto pode não ser bom, então você pode comprar cápsulas.
  • Limpar a mente de preocupações: É, não dá para dormir pensando no que tenho que fazer amanhã. Então eu anoto. Eu faço no papel mesmo, um esquema rápido das minhas prioridades para o dia seguinte e monto um pequeno mapa do que tenho que fazer de mais importante. Assim eu evito ficar pensando nisso ao invés de dormir. Outra coisa que faço é evitar ler livros de ação ou que estimulem minha projeção de futuro e planejamento.

Com essas regras, eu consegui dormir de 6 a 7 horas por noite e manter minha energia do dia em 110%, com atividade e foco. Mas eu não estava satisfeito. Faltava alguns pontos:

  • E se eu não conseguir estar em casa antes das 23h?
  • E Sábados, Domingos e Feriados?

Foi aí que li um texto do (esqueci o nome do cara), onde ele tinha essas mesmas dúvidas. E no fim, eu procuro seguir o seguinte esquema: dormir o quanto antes entre 22:30 e 23:59. Eu vou acordar às 5:30 invariavelmente, todos os dias (para manter o hábito), e se por acaso algum dia o meu tempo de sono for menor do que as 6 horas, meu corpo vai clamar para que eu deite mais cedo nesse dia (à noite), restabelecendo o ciclo. O autor diz ser importante não tentar compensar a falta de sono com sonecas durante o dia, pois isso pode desregular o ciclo circadiano. Mas e a vozinha interior que vai vir, como faz? Eu sugiro que faça como eu: coloque o despertador demasiadamente longe da cama, de modo que você se obrigue a levantar. Depois que estiver em pé, não ouça a voz interior (ou zeca urubu ou franga), e prossiga com a sua rotina. E se for difícil mesmo assim? Treine de dia… tire uma tarde para treinar. Deixe o quarto 100% escuro e programe o despertador para 10 minutos. Deite, e aguarde o despertador tocar – e então levante e faça o que deverá fazer quando acordar. Repita quantas vezes achar necessário. Não terá nenhuma voz interior quando fizer isso 100% consciente, acordado.

Em raras ocasiões, eu mudei a regra do jogo e acordei às 6:30, então… a regra é o que for melhor para você.

E eu também li (não faço isso ainda), umas idéias do Tim Ferriss sobre como dormir melhor:

  • O Tim Ferriss fala em tomar um banho imerso em GELO para provocar o sono. Segundo ele, os japoneses têm uma expectativa de vida mais longa que a maioria do planeta. Uma teoria é que tomar banhos quentes regularmente na hora de dormir, aumenta a liberação de melatonina, o que, além de melhorar o sono, prolonga a nossa vida útil. Paradoxalmente, de acordo com professores de Stanford, o frio é um sinalizador mais eficaz para o início do sono, mas sem qualquer relação com a produção de melatonina. Então o Tim conta que decidiu testar o efeito de combinar banhos de gelo de 10 minutos, uma hora antes de dormir. O banho de gelo é simples: 2 a 3 sacos do gelo de saco, em uma banheira pela metade de água até que o gelo esteja derretido em torno de 80%. A imersão deve começar pela parte inferior do corpo, e ir progredindo aos poucos no tempo, de modo a avançar, de alguns segundos, para chegar nos 10 minutos com o tronco superior submerso. O resultado: é como ser atingido com um tranquilizante de elefante. Tim finaliza dizendo que no início, não é nada agradável.
  • Comer suas refeições em horários definidos pode ser tão importante quanto uma rotina de dormir. As pessoas falam muito sobre o ritmo circadiano e estabelecem um horário de sono regular, mas o momento de dormir é apenas um estímulo que sincroniza esse biorritmo. Comer refeições em horários definidos, ajuda a regular a melatonina, grelina, leptina e outros hormônios que afetam os ciclos do sono (e a fome). Outros gatilhos para dormir incluem a melatonina, luz e temperatura. Se tiver luz nos eu quarto, use uma máscara de dormir.

E eu não poderia deixar de falar da LEPTINA. A leptina é um hormônio muito poderoso e influente produzido pelas células de gordura. Através da medida de leptina, o cérebro diz se você deve estar com fome ou não, se o corpo deve armazenar mais gordura ou eliminá-la (parte por meio do controle da insulina). Em suma, a leptina é a forma como o cérebro controla os depósitos de gordura para que ele saiba exatamente quanta energia temos disponível. Quanto mais leptina, menos fome. Um bom sono, regula a produção de leptina e também os níveis de grelina (o hormônio grelina diz para o corpo que você está com fome). Não descansar suficientemente, incentiva o corpo a produzir grelina e, consequentemente, deixa de produzir leptina.

Entendeu?

  • SONO DE QUALIDADE = ALTA leptina, baixa grelina -> MENOS FOME, MENOS GORDURA.
  • SONO RUIM = baixa leptina, ALTA grelina -> MAIS FOME, MAIS GORDURA (energia não necessária que foi armazenada no corpo e é gerenciada pela leptina).

E por que isso tudo, se o título diz: HIPNOSE para SONHOS LÚCIDOS?

Por que não adianta querer ter um sonho lúdico, se você tem um sono de merda.

O que é hipnose?

As pessoas que estão em um transe hipnótico profundo, parecem que estão dormindo. Na verdade, a palavra hipnose vem do grego “hypnos”, que significa dormir. No entanto, a hipnose não é dormir. A hipnose é o ato de enviar o seu cérebro para um transe tranqüilo. Você fica mais receptivo para receber sugestões, do que normalmente. Não se trata de controle da mente.

A hipnose gera muitas dúvidas, a maioria das pessoas acham que hipnose é o que fazem os hipnotizadores de palco, que muitas vezes se divertem com pessoas muito sugestionáveis ​​em estado de transe. Eles convencem suas vítimas a realizar truques embaraçosos, como bater asas como uma galinha ou pular em uma cadeira.

No mundo real, a hipnose tem muito mais usos produtivos na terapia e desenvolvimento pessoal. Ele lhe dá a capacidade de falar com seu eu interior e programar a sua mente inconsciente. Então, deixa eu resolver alguns mitos sobre a hipnose:

  • Você é auto-consciente durante a hipnose. Quanto mais fundo você for, mais você se tornará imerso em uma realidade interior. Mas você está sempre ciente da voz do hipnotizador, das instruções e do que você faz.
  • Você tem controle total sobre si mesmo durante a hipnose. Você pode ser mais sugestionável, mas você decide o que você diz ou faz. Você não pode ser convencido a fazer qualquer coisa que quebre seu código moral.
  • Você não pode ficar preso em um transe hipnótico. Mesmo que o hipnotizador estivesse no meio de uma sessão, você emergiria do transe naturalmente, assim como acordar depois de uma noite de sono.
  • Todos podem ser hipnotizados até um certo nível. Todos nós entramos em transe hipnótico todos os dias, quer estejamos assistindo TV, passando por nossa rotina matinal, ou olhando pela janela. Alguns de nós, apenas são mais fáceis de serem hipnotizados do que outros.
  • Na auto-hipnose, você se torna mais próximo de sua voz interior e mais sugestionável. Você entrará em um transe profundo e relaxante, causando a liberação de endorfinas (hormônios naturais de felicidade e prazer). Você pode então implantar quantas sugestões poderosas quiser para melhorar sua vida – neste caso, para incentivar o sonho lúcido.

Sonhos lúcidos são aqueles onde você sabe que está sonhando e tem acesso praticamente consciente para criar o que quiser. A auto-hipnose é uma maneira poderosa de criar sonhos lúcidos. Como a meditação, usa-se o mesmo estado de relaxamento para reduzir os hormônios do estresse (o cortisol), e concentrar sua mente em pensamentos afirmativos.

No entanto, hipnotizar-se é diferente de meditar, porque na auto-hipnose, você usa auto-sugestões para implantar pensamentos e afirmações específicas. Para usar a auto-hipnose para o sonho lúcido, use frases como: “Eu posso lembrar meus sonhos claramente” e “A próxima cena será um sonho”.

Desta forma, você pode usar a hipnose para melhorar suas lembranças, programar seus sonhos e aumentar sua auto-consciência, conseguindo reconhecer habitualmente quando você está sonhando – e, assim, desencadear a lucidez.

Dá uma lida melhor sobre a hipnose, pelo Minutos Psíquicos.

Como se auto-hipnotizar

  1. Fique confortável: encontre um lugar confortável para sentar ou deitar. Não cruze os braços ou as pernas – tenha uma postura aberta que seja fácil de ficar durante os próximos 20 minutos. Permita que seus olhos fechem naturalmente. Faça dez respirações profundas e lentas – liberando qualquer tensão e ansiedade. Observe os pensamentos que entram em sua mente e suavemente libere-os sem qualquer interação. Deixe-se flutuar.
  2. Tensão de liberação: concentre-se em liberar a tensão física de todo o seu corpo. A partir de seus dedos do pé, visualize cada músculo relaxando e derretendo com o calor que você sente. Isso trás uma agradável sensação de relaxamento. Liberte sistematicamente cada grupo muscular – pernas, tronco, braços, pescoço, aumentando a sensação de relaxamento a cada passo. Passe mais tempo em seus ombros, na parte superior das costas, e na mandíbula, que normalmente mantêm muita tensão. Visualizar uma água calmante ou um brilho dourado pode ajudar a liberar os músculos.
  3. Visualize o seu caminho: visualize-se no topo de uma escada. Isso representa a sua consciência. À medida que você desce cada degrau, um de cada vez, mergulha cada vez mais fundo no seu tranqüilizante e relaxante estado de transe. Se quiser, conte as etapas que desce, a partir do 10, até o 1.
  4. Sugestões automáticas: assim que você alcança o fundo da escada, você está pronto para começar seu script de auto sugestão:

Repita suavemente uma ou mais das seguintes frases em sua mente (escolha o que fica melhor para você):

“Eu posso me lembrar dos meus sonhos”
“Eu posso ter sonhos lúcidos”
“Posso tornar-me consciente em meus sonhos”
“Eu posso perceber quando estou sonhando”
“Eu posso controlar meus sonhos”
“Eu sou calmo e descontraído”
“Eu sou forte e confiante”
“Eu estou no controle do meu destino”
“Eu posso ter tudo que eu quero”
“Estou saudável e enérgico”

5. Acorde delicadamente: repita suas afirmações escolhidas, quantas vezes quiser. Visualize-se alcançando seus objetivos.

Quando estiver pronto, prepare-se para acordar do seu transe. Diga a si mesmo que você vai contar até 10, e com cada passo você vai voltar lentamente à plena consciência. Então conte de 1 a 10, como se estivesse subindo novamente a escada da sua mente que você desceu.

Respire fundo quando chegar ao topo e depois abra os olhos.

Auto-hipnose é um estado profundamente relaxante. Eu acredito que todos devem tentar.

Para facilitar o processo, você pode gravar as frases e os tempos em seu celular e usá-lo como seu próprio guia.

É bom criar uma rotina de auto-hipnose (e de meditação também) – talvez todas as noites antes de dormir ou quando você acordar cedo de manhã. Sua mente relacionará os sentimentos induzidos com relaxamento e sonhos lúcidos. Na PNL, isso é chamado de ancoragem e é uma boa maneira de induzir rapidamente um sentimento ou estado de espírito. Não há melhor momento para fazer isso do que quando você está na cama pronto para sonhar.

Hipnose e o sono

Um grande avanço na nossa compreensão da relação da hipnose com o sono, foi feita pelos psicólogos Joe Griffin e Ivan Tyrrell, e seus estudos sobre o papel e a função dos sonhos. Uma vez que todos os mamíferos sonham, é provável que sonhar serve para um propósito evolutivo básico. Griffin e Tyrrell, identificaram essa finalidade como sendo realização de uma expectativa. Os sonhos representam, de forma metafórica, algo que aconteceu no dia anterior. Mais importante ainda, eles revelam coisas que emocionalmente nos despertaram de alguma forma. A excitação emocional é inevitável – inúmeras coisas que ativam nossos instintos emocionais acontecem conosco durante, tanto positivamente quanto negativamente. Por exemplo, digamos que alguém corta sua frente enquanto você está dirigindo, o que o deixa zangado, ou seu chefe diz algo para você que o incomoda.

Se agimos ou expressamos essas emoções de alguma forma, então elas são descarregadas e concluídas. Você pode dar expressão verbal à sua opinião sobre a condução de outra pessoa, mas talvez você não se sinta capaz de expressar seus sentimentos a seu chefe. No entanto, suas emoções foram remexidas, e eles ainda estão remoendo o seu cérebro quando você vai para a cama à noite. É quase certo que você terá um sonho que coloque aquelas emoções para fora, expressando o que você sentiu de uma maneira metafórica que só a sua cabeça entende: talvez você irá sonhar com qualquer coisa que simbolize a autoridade do seu chefe.

O objetivo é liberar as emoções não resolvidas, de modo que nós acordamos revigorados e com nosso sistema nervoso intacto, livre de estresse e pronto para lidar com as demandas de mas um dia. Se não fizéssemos isso, se mantivéssemos nossas emoções não resolvidas permanentemente, logo teríamos um grande problema. Nosso sistema nervoso estaria literalmente sobrecarregado. Eu particularmente chamo isso de reset do corpo. Dormir e sonhar é isso: é como desligar e ligar novamente um computador, celular, tablet… resetar.

E o que isso tem a ver com hipnose? A chave é o estado REM (movimento rápido dos olhos). O REM é o meio pelo qual a natureza nos programa com nossos comportamentos instintivos. E o REM também é o meio pelo qual a programação instintiva original pode ser mantida atualizada. Em termos evolutivos, isso é crucial, pois precisamos da capacidade de aprender com a nossa experiência e a capacidade de remover o estresse do sistema nervoso instintivo – o REM faz ambas.

O estado REM, segundo Griffin e Tyrrell, pode ser ativado em um estado de hipnose. De fato, a hipnose é nada menos que a criação deliberada do estado REM em nós mesmos. Isso explica por que as pessoas em estado hipnótico profundo, se comportam como se estivessem dormindo sonhando. É por que as mesmas coisas estão acontecendo com elas como quando elas estão dormindo, mesmo não estando realmente dormindo. Por exemplo, os indivíduos hipnotizados, freqüentemente alucinam coisas que não existem, como a hipnose de palco demonstra vividamente. Isso não é tão bizarro quando você considera que todos nós temos alucinações vívidas cada vez que vamos dormir e ter um sonho.

Se a hipnose é outra maneira de criar o estado REM, então ele também executa as mesmas tarefas de atualização e manutenção do nosso sistema nervoso. Logo, basta estar em REM ou hipnose para permitir que um cérebro sobrecarregado, faça a limpeza e desligue estados emocionais não resolvidos. É por isso que as pessoas costumam dizer que se sentem melhor e são capazes de pensar com mais clareza após uma indução hipnótica. Ao ativar deliberadamente o estado REM, a hipnose também abre a interface com o inconsciente. Isso permite que novos padrões de comportamento sejam estabelecidos onde eles farão o melhor, mesmo no nível inconsciente de comportamento instintivo.

O sono lúcido

Já expliquei como ter um sono de mais qualidade, como se auto-hipnotizar, e agora vem a parte mais legal do texto: o sono lúcido!
Pela manhã, logo que levantar, gaste pelo menos 5 minutos relaxando e recordando seus sonhos. Mesmo que você acorde no meio da noite, tente se lembrar e anote TUDO que aconteceu. Depois de 10 minutos, você terá esquecido, por isso é importante anotar.
Faça testes de realidade durante o dia: seu reflexo no espelho parece normal? As palmas de suas mãos parecem normais olhando bem de perto? Por quanto tempo você permanece no ar quando pula? Talvez até mesmo fazer uma marcação em sua mão e olhar para ela durante o dia todo, e em seu sonho você vai sentir falta da marca e então ficará lúcido.

É importante entender que a lucidez é obtida com a conscientização durante o sono, de que algo está errado… e nesse momento pum, você faz o que quiser! Eu, por exemplo, já voei (é uma sensação espetacular), já dirigi Ferrari quando tinha 15 anos, vi pessoas que não via há muito tempo, e também fiz coisas que não dá pra escrever.
Gastar até 20 minutos de sua tarde para incubar um sonho lúcido, utilizando meditação, auto-hipnose, ou visualização do que você deseja vivenciar em seu sonho.

À noite, antes de dormir, repita essas palavras para si mesmo: “Eu lembrarei de reconhecer que estou sonhando”. Pegue no sono repetindo isso em sua cabeça. Não conte carneirinhos. Repita essa frase ao invés de contar carneirinhos. E então, essa consciência irá subconscientemente junto para dentro dos seus sonhos. Saiba que em seu sonho, você lembrará que está sonhando. A confirmação é importante.

Você também deve ter tido aquela desagradável experiência de ficar sem combustível quando está a caminho de uma prova, uma reunião ou um entrevista muito importante. Pode ser também, que você tenha aquela horrível experiência de seus dentes caindo de sua boca. A melhor e mais confiável maneira de determinar os sinais de seus sonhos, é manter um diário. Sempre que você der uma olhada nele, você poderá facilmente identificar aqueles sinais que estão ocorrendo com mais regularidade. Quando seus futuros sonhos apresentarem estes sinais, você perceberá que é apenas um sonho.

Imagine você de volta à um sonho anterior. Mas desta vez, você tem que reviver o final do sonho de uma maneira diferente. Visualize as cenas no sonho de maneira que os detalhes sejam mais claros do que pode ser obtido no sonho anterior. Agora, procure pelos sinais do sonho. Claro, deve ter alguns personagens incomuns, locais e objetos que devem revelar que o sonho é mera fantasia, alguma coisa que você não veria na vida real. Agora, diga a si mesmo que você está sonhando. Embora você esteja apenas sonhando acordado (e isso não é de maneira alguma um sonho lúcido) continue a experimentar a fantasia de um sonho lúcido imaginado. Faça o que você faria se isso fosse um sonho lúcido real.

Alguns pesquisadores malucos, encontraram que acordar durante o sono, pode aumentar as chances de ter um sonho lúcido. Então, a fim de ter mais sonhos lúcidos, você pode se acordar no meio da noite, ficar totalmente consciente por alguns minutos, e então visualizando como seria o sonho lúcido que você quer ter. E dormir… Eu acho que isso já extrapola d+ a idéia, podendo danificar a qualidade do teu sono REM.

Pular para dentro do sonho lúcido: significa submergir sua consciência totalmente para dentro do sonho lúcido, bem como estabilizar o sonho para descartar qualquer chance de acordar. Fique calmo, não fique excitado demais a ponto de se acordar. Perceba que está dormindo, e mantenha sua atenção concentrada no presente momento no interior do seu sonho lúcido.

É uma experiência maravilhosa para se ter, e não há nada, ninguém, ou coisa alguma que possa te fazer mal dentro de um sonho lúcido. Se você ficar com medo quando ficar lúcido, aprecie a vivacidade do mundo ao seu redor. É importante lembrar que não há nada a temer em um sonho lúcido. Algumas imagens que você encontrar, podem assustá-lo, mas lembre-se que tudo que você encontrar é um reflexo de você mesmo.
Veja mais nesse vídeo do Marcelo Maia
https://youtu.be/INSV5G-v-Hw
É isso aí, até a próxima quinta-feira!

Quer transformar tua vida?
Receba as próximas atualizações direto teu e-mail, e participe gratuitamente de sorteios semanais de livros. ?? LIVRE DE SPAM.

Comentarios

About The Author

Empreendedor em série, graduado em Administração de Empresas, cursou Técnico em Processamento de Dados na UFRGS e Engenharia Elétrica na PUCRS. Atua no mercado de Datacenter/Cloud desde 1998. Fundou a WeBrasil, HostNet e Cyberweb, atualmente controladora da KingHost - provedor de hospedagem de sites com 60 mil clientes. Em 2012, criou a Giga Internet, provedor de internet wireless que atende 15 cidades no Rio Grande do Sul. Em 2016, começou o projeto Riqueza Sem Limites, com visão de exportar inspiração e conhecimento de alto nível para além das fronteiras Brasileiras. Atualmente dedica 50% do tempo para estudar assuntos ligados à neurociência, psicologia comportamental e biohacking.

rsl2016mmi