Eu ultrapassei várias dificuldades neste ano. Por causa delas, fiquei mais forte do que pensava ser possível.

“Quem fala que você não vai conseguir, normalmente tem medo que você consiga”. ~ Autor Desconhecido.

2016 foi um ano atípico… fiz muita coisa que eu deveria ter feito antes na minha vida. Posso dizer sem sobra de dúvida que foi o melhor ano da minha vida até hoje, mesmo tendo enfrentado situações extremamente desconfortáveis – pensa em algo extremamente preocupante. Agora eleva à quinta potência… enfim, cada um tem os seus problemas e o meu objetivo aqui não é falar dos meus. E o importante é que 2017 vai ser melhor, 10x melhor, muito melhor.

Como eu posso ter certeza disso? Porque eu visualizei e vivenciei, tudo o que vou fazer, mês a mês: os lançamentos, os resultados, as viagens… se você quer entender um pouco mais sobre visualização criativa, dá uma conferida no primeiro comentário o link que eu deixei.

Agora, responde para você mesmo, algumas perguntas importantes para uma reflexão produtiva:

As coisas para as quais você tem dedicado o teu tempo, estão de acordo com os teus valores?

Elas estão de acordo com os teus objetivos de vida? Você está subindo a montanha certa?

Eu entendo que talvez você não tenha pensado ainda o que vai querer estar fazendo daqui a 30 anos, e isso é normal, afinal não ensinam isso na escola (e também não ensinam educação financeira, muito menos como criar filhos), então vou dar uma dica aqui que eu fiz: decidi que quero viver entre 119 e 120 anos; talvez eu precise trocar alguns órgãos até lá, e tenho certeza que a nossa medicina saberá me ajudar nesse quesito. Então peguei minha vida lá nos 120 anos e imaginei pelo que eu quero ser lembrado – qual é o meu legado que eu quero deixar para minha família, amigos e para a humanidade. A partir daí, tracei um caminho… longos 85 anos pela frente, intercalados e imaginando o que eu terei feito aos 40, 50, 60, 70, 80, 90, 100 anos… para chegar no legado que quero deixar quando não mais estiver aqui.

A partir desse ponto, tudo o que eu fizer na minha vida, tem que estar de acordo com os meus objetivos. Mesmo que eu faça algo nada a ver com o objetivo final, essa coisa precisa contribuir diretamente para os meus objetivos.

Talvez você não queira viver tanto… 80 anos está bom, certo? A fórmula é a mesma: pegar intervalos de 10 anos, escrever o que você quer ter concluído e o segundo passo é viver isso, separar uns 10 minutos do dia para se sentir lá.

Essa técnica é usada pela maioria dos atletas olímpicos de ponta, é extremamente poderosa, e a justificativa é que como você já imaginou como vai fazer, quando estiver fazendo, é como se estiver repetindo aquilo que se propôs a fazer. Mesmo sem precisar acreditar em lei da atração, física quântica ou qualquer outra lei… imaginar é viver, e o cérebro não sabe a diferença, logo, viver algo que foi imaginado, será como repetir algo que você já fez, e cada vez com maior qualidade. Quanto mais você reforçar a visualização, mais fácil será fazê-la.

Na física, uma mola ideal quando esticada, volta ao seu estado natural. Mas a nossa mente, quando estressada ao máximo, não volta ao estado anterior, ela se tornou maior e mais forte. O Insano é o maior toboágua do mundo, fica em Fortaleza, tem 41 metros de altura. Pensar em descer o Insano pela primeira vez é algo… INSANO. Na segunda não. Porque a mola esticou… ficou mais forte, maior. Assim é com qualquer situação por que passamos pela primeira vez. Tudo que ultrapassamos, nos torna mais fortes. Mais do que pensávamos ser possível.

É normal as outras pessoas confiarem mais em nós, do que nós mesmos. Nosso melhor amigo e pior inimigo, é a nossa própria mente: ela estabelece os medos, os limites. Alguém olhando de fora pode nos dar desafios maiores, mais altos, nos levar a fazer coisas até então impossíveis, somente por que não sabíamos que podemos fazer.

Por isso eu digo: você pode mais, você pode MUITO MAIS. Mesmo sem estar te vendo, eu tenho certeza disso, porque todos somos dotados do mesmo padrão biológico, e não foi nem a falta de membros que impediu o Nick Vujicic de estar entre os maiores palestrantes do mundo. Mas talvez ele tenha tido alguém que o incentivou a seguir os sonhos, e nunca desistir. Quem persiste, vence. Essa é óbvia, mas o óbvio precisa ser dito.

#saiDaMedia
#quemPersisteVence

Quer transformar tua vida?
Receba as próximas atualizações direto teu e-mail, e participe gratuitamente de sorteios semanais de livros. ?? LIVRE DE SPAM.

Comentarios

Leia o post anterior:
Tentar não. Faça ou não faça. Tentativa não há.

"No. Try not. Do... or do not. There is no try" ~ Yoda falando para Luke. Se você quer alguma...

Fechar
rsl2016mmi